16 de dezembro de 2010

A porrada doeu na sua cara?

Quando foi a última vez em que recebeu um aumento salarial de 25%? Ou melhor, quando foi a última vez em que recebeu um aumento? Acredito que já faz um tempo e foi, creio eu, menor ou igual a essa porcentagem, não é mesmo?

Como você se sente ao ler a seguinte manchete?

"Senado aprova salário de R$ 26,7 mil para parlamentares e presidente"
Deputados e Senadores terão um reajuste de 61,8%. Para os cargos de Presidente e vice-presidente da República, o reajuste será de 133,9%.

Um disparate!

Como é que um trabalhador de verdade, como nós, eleitores, os quais deveríamos colocar rédeas nessas...nesses... parlamentares, temos de engolir uma barbaridade, um absurdo, a audácia, a cara de pau desses sujeitos que se autointitulam representantes do povo?

Representantes do povo? Representantes da própria corja. Se ao menos merecessem receber tais aumentos, sem problemas. Nós não faríamos qualquer objeção. Nossos congressistas merecem redução salarial, haja vista o "elefante obeso" que temos de carregar, ano a ano, que impede o crescimento do PIB a 8, 9, 10%. Estamos atrás do Uruguai e da Argentina, sabia?

E aí, recebemos essa notícia bombástica, "reajuste de 130%" aos políticos. Só aqui, mesmo, pra ocorrer tal atrocidade. O que mais precisa ocorrer nessa Terra Tupiniquim? Paulo Maluf absolvido e liberado a exercer suas atividades como deputado federal?

Até quando continuaremos a levar porrada, caríssimo leitor-eleitor?
Até quando vamos aguentar a palhaçada desses Tiriricas, que, unidos, votam pelo próprio aumento salarial em poucos dias e demoram para aprovar uma Lei da Ficha Limpa, por exemplo?

Será que o que disse José Sarney, na época da crise dos atos secretos do Senado, em 2009, ao citar o filósofo romano Lúcio Aneu Sêneca (morto em 65 d. C.), é apropriado para o povo brasileiro, agora e sempre? Relembre comigo: "As grandes injustiças só podem ser combatidas com três coisas: o silêncio, a paciência e o tempo."

Que tal seguirmos o que declarou Renan Calheiros, dias antes de renunciar à presidência do Senado, em 2007: "Para tirar o coco, não basta balançar o pé, que ele não cai. Quem quiser vai ter que subir no pé e retirar o coco com as próprias mãos."

Cadê os protestos, os manifestos inteligentes, as manifestações estudantis, a classe artística engajada, a oposição? Peguemos como exemplos o que tem ocorrido na Itália, França e Inglaterra, nos últimos dias:

Manifestação dos italianos contra a permanência do primeiro-ministro Silvio Berlusconi; Manifestação dos franceses contra a reforma da previdência feita por Nicolas Sarkozy. E manifestação na Inglaterra contra a reforma universitária do primeiro-ministro David Cameron.

E aqui, no Brasil, com relação ao aumento salarial descarado dos políticozinhos? Houve nada! Ninguém ouve nada, ninguém faz nada, ninguém quer nada.

É até compreensível não se querer fazer algo, pensar e/ou agir mediante o soco que acabamos de levar. Sabe por quê? Porque os políticos, principalmente os inúteis do Senado, estão "pouco se lixando para a opinião pública". E, o que é pior, muitos de nós, "cidadãos", estão pouco se lixando para o que eles fazem por lá, por eles e para eles.

Justiça seja feita: parece-me que apenas o PSOL votou contra o aumento. Só! Quero ver a postura da Dilma, do Lula, do PSDB, do PT, cadê?

Acorda Brasil!

--
Só para lembrar, já assinou o feeds?

Ae, agora sim 11 comentários...

Matheus disse...

ótimo post cheio de recursos e informações eu não sei como me sinto já estou acostumado e ainda não ganho salário ,mas é bem polêmico isso... tem que ser muito debatido...
www.centralmbc.blogspot.com

Macaco Pipi disse...

maluf ainda é o mais nojento...

Kiko Lemos disse...

Políticos, maioria são tudo nojentos, e a dois meses atrás tinha gente matando e morrendo por eles, a prova da consideração pelo povo está aí.

Barbara Nonato disse...

É um tipo de situação absurda mas que o povo pede pra passar a cada eleição. Não sei mais em que acreditar quando o assunto é política...

Anônimo disse...

doi um tapinha não doi...


http://cinecretino.blogspot.com/

Mônica Pinheiro disse...

Enquanto política for sinônimo de jogo de interesses e o povo for desinteressado, as decisões no Senado e Congresso serão apenas em prol dos próprios governantes.

Paulo Cheng (Rico) disse...

Olá, meu link é esse: http://jesuschrististherock.blogspot.com

No momento meu blog está em manutenção.Estou mudando algumas coisas, mas vc pode entrar lá e copiar o código do banner, ok?

Abração.

fábio disse...

o brasil ja morreu faz tempo...ele nao é de niguem e ja virou bagunço todos fazem o que querem! o país dos injustos feito por injustos!

Nicelle Almeida disse...

É mesmo uma palhaçada, meu amigo!
Triste e vergonhoso...eu fiquei mto revoltada quando vi no noticiário.

O melhor é a urgência com que tudo é resolvido, não? Se fosse pra votar em alguma coisa para o bem do povo...ahhhhhh, duraria meses e meses, anos e anos! =/

Um forte abraço e tenha uma ótima semana.
Aparece lá no blog! ;)

www.nicellealmeida.blogspot.com

iubdeds.com.br disse...

mt bom o post

huahauhau

to gostando de visitar seu blog, sempre tem uma postagen legal pra passar o tempo

Nicelle Almeida disse...

Meu amigo,
Me fala o seu e-mail, por favor?

Obrigada ;)
www.nicellealmeida.blogspot.com

  ©Template Blogger Green by Dicas Blogger.

  ©Modificações by Felipe.

TOPO  

BlogBlogs.Com.Br